sonho empreendedor

Como realizar seu sonho empreendedor em 2021

Clique aqui para ouvir esse artigo

Novo ano, novas metas. Muitos pensam dessa forma, e já começaram 2021 querendo realizar o sonho de ser dono do seu próprio negócio. Apesar de 2020 ter sido muito difícil, sendo um ano em que pessoas do mundo inteiro tiveram que adiar seus sonhos por causa da pandemia da Covid-19, 2021 aponta uma possibilidade de recomeço. Mesmo com a pandemia, a expectativa é que muitas novas micro e pequenas empresas possam surgir em 2021, tendo em vista que o empreendedorismo é uma das alternativas encontradas como fonte de trabalho e renda em momentos de crise.

Durante o ano passado, mesmo com todas as adversidades, o país registrou aumento no número de novos negócios. Foram 84 mil novas formalizações realizadas em 2020, quando comparado com 2019. E, somente o Espírito Santo, chegou à marca de 68.813 mil novos empreendedores, com quase 8 mil a mais que no ano anterior.

"Vimos muitas pessoas apostarem no empreendedorismo como alternativa de renda, principalmente nos períodos mais críticos da pandemia, quando o número de desemprego aumentou. O Microempreendedor Individual (MEI) se tornou uma boa alternativa de formalização de atividades para as pessoas que optaram por empreender, em especial para aquelas que começaram a empreender por necessidade. Mas é importante destacar que para empreender não basta apenas ter vontade, e alguma habilidade, é preciso buscar por boa formação e capacitação. É preciso também estudar, conhecer e buscar por informações corretas que possam amparar as decisões do empreendedor, para que essas sejam feitas com base na ciência, e não no achismo. Quanto mais empreendedores estiverem capacitados, maior o potencial do empreendedorismo para contribuir com o desenvolvimento econômico, em especial na geração de ocupação, emprego e renda", destaca o diretor técnico do Sebrae/ES, Luiz Toniato.

Online

Um caminho encontrado por muitos desses novos negócios, e também para os que já estavam no mercado, foi a inclusão das vendas pela internet. Se antes da pandemia apenas 42% usavam de plataformas online e redes sociais para potencializar as vendas, no final de 2020, aproximadamente 80% dos empreendedores já tinham adotado os aplicativos como meio de venda.

"Adotar o meio online acaba sendo primordial para quem deseja iniciar seu caminho no empreendedorismo. Cada vez mais as pessoas estão comprando pela internet. Na hora de abrir o negócio, será crucial ter um planejamento estratégico do negócio que contemple um plano de marketing com destaque especial para a atuação no marketing digital", reforça Rafael Botelho, analista do Sebrae/ES. 

Mulheres

O melhor é que o sonho de abrir o próprio negócio pode ser tanto para homens quanto para mulheres. E no Espírito Santo essa questão é ainda mais visível: 47,8% dos novos negócios, abertos em 2020, são geridos por uma mulher.


*Com informações da Agência Sebrae



Assinar este post do blog Cancelar assinatura Imprimir

Posts Relacionados

 

Comentários

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Login Aqui
Visitantes
Terça, 03 Agosto 2021
Se você quer se registrar, por favor preencha os campos de nome de usuário, senha e nome.

By accepting you will be accessing a service provided by a third-party external to https://vooaa.com.br/

Cron Job Starts